Teste do Pezinho

O Teste do Pezinho é capaz de detectar doenças genéticas, metabólicas e até mesmo infecciosas, que poderão afetar o desenvolvimento físico e mental do bebê. A coleta é feita rapidamente a partir de um furinho no pé do bebê e deve ser feita em até 7 dias depois do nascimento. O diagnóstico, quando feito precocemente, serve para que o tratamento de deficiências antes mesmo do surgimento de sintomas. O teste identifica as seguintes doenças: fenilcetonúria, hipotireoidismo congênito, fibrose cística, hemoglobinopatias (anemia falciforme), deficiência de biotinidase, galactosemia, hiperplasia adrenal congênita, deficiência da G6PD, toxoplasmose congênita, distúrbios dos ácidos orgânicos e distúrbios da beta-oxidação dos ácidos graxos.